quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Novidade DVD: «Blade Runner: Perigo Iminente - Final Cut»

Sinopse:

No ano 2019 existe uma classe de androides chamados “Replicants” em tudo semelhantes ao Homem, menos no tempo de existência que é muito curto. Seis desses “Replicants” tomaram de assalto um vai e vem espacial entre a Terra e as colónias de outros planetas e andam à solta em Los Angeles. O chefe da polícia convoca Rick Deckard, um ex-Blade Runner, nome pelo qual são conhecidos os agentes especiais encarregados de eliminar “Replicants” perigosos ou incontroláveis, e encarrega-o de localizar e destruir as seis unidades em fuga. De pista em pista, Deckard, vai localizando e abatendo os “Replicants”, que pelo seu lado procuram desesperadamente uma forma de evitar a sua auto-desactivação ao fim de 4 anos. No meio da perseguição, Deckard, conhece a bela e sedutora Rachel, uma “Replicant” muito especial por quem se apaixona e que lhe dá uma perspectiva totalmente distinta dos seres humanos artificiais.

“Blade Runner-Perigo Iminente” é hoje, muito justamente, considerado como um dos grandes filmes de culto dos anais da Ficção Científica. Com realização do britânico Ridley Scott este espantoso exercício de estilo é uma fascinantes história futurista, que parte da adaptação de um romance de Philip K. Dick, que se debruça sobre as relações do Homem com a máquina que, no caso, é uma forma de inteligência artificial. Scott combina de forma prodigiosa as atmosferas de sofisticação tecnológica com um universo degradado, sujo e decadente e constrói um autêntico Filme Negro revivalista em tom futurista. Um velha história de detectives no futuro, plena de suspense, romantismo, puro deslumbramento visual e admirável concepção artística. Com Harrison Ford, Rutger Hauer e Sean Young nos principais papeis de um dos mais marcantes filmes da carreira de Ridley Scott.

terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Novidade: «Estar Vivo Aleija», de Ricardo Araújo Pereira


SINOPSE

Da crítica ao império dos telemóveis e das redes sociais ao elogio do silêncio, passando pela acérrima defesa da liberdade de expressão e pela metafísica do pecado, estes textos tanto falam de Cristiano Ronaldo como de Kierkegaard ou do Candy Crush.

Pelo caminho, desmonta-se o mito da auto-ajuda, discutem-se eternos problemas de linguagem que só a RAP apoquentam, questionam-se intolerâncias alimentares e o complexo de Édipo, e levantam-se questões prementes para os casais da sociedade actual, como a escolha entre ter filhos ou ser feliz para sempre.

segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Livro da semana: « O Crime do Padre Amaro»


Título:
O Crime do Padre Amaro
Autor:
Eça de Queirós
N.º de págs.
398
Sinopse:












O Crime do Padre Amaro destaca-se, na obra queirosiana, como um dos títulos que maior controvérsia provocou, quer no plano artístico quer no plano moral, desde logo pela forma desassombrada como retrata um certo lado mais obscuro da classe clerical.
O romance narra a relação amorosa entre a jovem Amélia e o padre Amaro, e pode ser entendido, segundo as palavras do próprio autor, como «uma intriga de clérigos e de beatas tramada e murmurada à sombra de uma velha sé de província portuguesa.»


Filme da semana: "O Homem que Viu o Infinito"



Título:
O Homem que Viu o Infinito
Realizador:
Matt Brown
Duração:
108 m
Sinopse:











Srinivasa Aiyangar Ramanujan nasceu na Índia, em 1887. Já na infância, a sua inteligência deixa todos à sua volta impressionados. Por causa disso, ganha uma bolsa para o liceu de Kumbakonam, onde desperta a admiração dos professores. Na adolescência começou, por autorrecriação, a estudar séries aritméticas e geométricas e com apenas 16 anos conseguiu encontrar soluções de polinómios de terceiro e quarto grau. Com essa idade teve acesso a um livro que marcou a sua vida, Synopsis of Elementary Results on Pure Mathematics, a obra de George Carr, um professor da Universidade de Cambridge. O livro apresenta cerca de seis mil teoremas e fórmulas com poucas demonstrações, o que influenciou a maneira de Ramanujan interpretar a Matemática. Aos 16 anos fracassou nos exames de inglês e perdeu a bolsa de estudos. Sem desistir, continuou as suas pesquisas de forma autodidata. Mais tarde, decidiu frequentar uma universidade como ouvinte. Os professores aconselharam-no a enviar os resultados dos seus trabalhos para o grande matemático inglês, G. H. Hardy. Em 1913, impressionado com o seu intelecto, Hardy convida-o para ir para Cambridge.

quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Novidade DVD: «Belíssima»


Sinopse:

Quando um estúdio de cinema anuncia que está à procura de uma actriz infantil, Maddalena ambiciona conseguir o trabalho para a sua filha Maria. Gasta todas as poupanças da família para que a criança sem graça seja treinada, enfeitada e embelezada antes do teste de ecrã. Quando este termina, Maddalena entra sorrateiramente na sala de projecção para ouvir o veredicto do estúdio, mas fica devastada ao descobrir que todos se riem do desastroso desempenho de Maria.

terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Novidade: «Dois Irmãos», de Milton Hatoum

SINOPSE

Em Manaus, grande porto nas margens do rio Negro, na Amazónia, vivem-se as décadas douradas de Febre da Borracha, no dealbar do século XX. Na casa da família de Halim, a convulsão é de outra natureza.
Yaqub e Omar são gémeos idênticos, nascidos no seio de uma família de origem libanesa. Parecem-se muito, mas por dentro são diametralmente diferentes. Yaqub é silencioso e introspectivo e passa o tempo com a cabeça enfiada em livros. Por seu lado, Omar, o preferido da mãe, é de carácter alegre e impulsivo. Une-os - ou separa-os - a paixão pela mesma mulher e a disputa pelo amor dos pais.
Depois de alguns anos a viver no Libano, Yaqub regressa ao Brasil e instala-se numa vida de sucesso. Omar, pelo contrário, entre numa espiral de vícios, rancores, conflitos insolúveis e relações incestuosas.
Há ainda Nael, filho da empregada da casa. Também ele tem os seus fantasmas e tenta, na busca, pela identidade do pai, reconstruir o seu passado. É ele quem nos conta a história do lento declínio da família, numa casa que se desfaz, imersa no sufocante calor da Amazónia, num quotidiano minado pela paixão, a vingança e o incesto.
Da autoria das vozes maiores da literatura brasileira contemporânea, Dois Irmãos é uma tapeçaria de personagens inesquecíveis, um retrato vibrante de uma cidade e de um país em mudança, uma reflexão sobre o futuro que é possível reconstruir a partir das ruínas.

segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

Livro da semana: «Ética para Um Jovem»


Título:
ÉTICA PARA UM JOVEM
Autor:
Fernando Savater
N.º de págs.
126
Sinopse:












                          A vida é-nos dada sem receita e sem manual de instruções.
Savater

Partindo de uma questão fundamental que atravessa toda a sua obra de filósofo e escritor, a inadiável urgência de agir e de tomar decisões em liberdade, o autor desenvolve neste livro um magistral conjunto de reflexões que podem ser também reconhecidas como um estimulante percurso filosófico iniciático, dirigido a um público adolescente.
Recusando a ideia de que esteja a escrever um manual de bons conselhos, ou um repositório acabado de regras para bem viver, o autor recorre a exemplos do quotidiano como se apenas se tratasse de uma oportuna conversa entre um pai e um filho (o seu próprio), acerca da complexidade do que costumamos chamar «as perguntas da vida» (título de outra obra sua). Com efeito, o tom vivo e bem- humorado e a linguagem acessível que sustentam a discussão de problemas tão complexos e objeto da Ética desde que o homem se reconhece como o único ser que não podendo escolher o que lhe acontece, pode decidir o que fazer em face disso, fazem deste texto uma referência incontornável.
Quase trinta anos depois de ter sido publicado, traduzido em inúmeros países e sempre bem recebido em renovadas edições, tornou-se uma leitura Indispensável a jovens e a adultos, a alunos e a professores. A todos os que acreditam que «viver não é uma ciência exata e teremos de pensar por nós próprios» sempre que nos deparamos com um novo desafio ou dúvida.

Filme da semana: «Forrest Gump»


Título:
Forrest Gump
Realizador:
Robert Zemeckis
Duração:
142m
Sinopse:











Forrest Gump, um jovem rapaz que apesar de ter um Q. I. abaixo da média se envolve diretamente em acontecimentos da história americana, tais como o escândalo de Watergate, além de se tornar herói da Guerra do Vietname, campeão de ténis de mesa e milionário da pesca de camarão.
Forrest é um personagem único que encanta pela sua inocência e simplicidade perante uma América em decadência, pois para ele só duas coisas importam, o amor e os ensinamentos de sua mãe e seus sentimentos em relação à sua grande e única amiga, Jenny, a grande paixão de sua vida.

quinta-feira, 16 de janeiro de 2020

Novidade DVD: «Batalha em Seattle»


Sinopse:

Em Novembro de 1999, as autoridades da cidade de Seattle declararam o estado de emergência quando milhares de manifestantes pacíficos se reuniram para protestarem contra a Organização Mundial de Comércio. O presidente da câmara da cidade, um polícia da unidade de luta urbana e a sua mulher que está grávida, e quatro manifestantes são apanhados no fogo cruzado à medida que as suas vidas se cruzam durante o caos dos motins que irromperam pela cidade.O actor Stuart Townsend, que se estreia qui na sua dupla qualidade de argumentista e realizador, combina de forma perfeita imagens verdadeiras do caos devastador com um história empolgante que conta com alguns desempenhos brilhantes de gente como Charlize Theron, Woody Harrelson, Ray Liotta e Michelle Rodriguez, entre outros.

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Concurso de Escrita



Estão a decorrer as candidaturas ao 15.º concurso de escrita do AELC, este ano subordinado ao tema «Sustentabilidades». O Concurso está aberto a alunos e a toda a comunidade escolar do Agrupamento de Escolas Leal da Câmara, organizando-se em duas categorias: alunos e comunidade. Concorra até 14 de abril. Para mais informações, consulte o Regulamento ou a Biblioteca Escolar.

segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

Livro da semana: «As intermitências da morte»


Título:
As intermitências da morte
Autor:
José Saramago
N.º de págs.
214
Sinopse:












E se a “morte” fosse de férias um ou dois meses? Ou se estivesse de baixa médica? O que seria da humanidade? Como reagiriam as pessoas, individualmente, e alguns grupos económico-sociais? E após um descanso prolongado e o caos instalado na sociedade, a “morte” decide regressar ao seu trabalho com a sua gadanha da lâmina afiada!!  Mas introduz uma novidade no seu modus operandi: as pessoas são avisadas com antecedência que vão morrer dentro de poucos dias! Como irão reagir? E se perante uma situação imprevista, a “morte” decidir ganhar vida e encarnar na forma de uma bela mulher, elegante, sedutora, tipo femme fatale? Será que a “morte” se converte à plenitude da vida, se apaixona e tem um final feliz? Se assim for, coitada da gadanha que desespera e enferruja…
Estas e outras questões são tratadas com muito humor, ora subtil, ora direto e sarcástico, bem ao jeito de José Saramago. Lê, aprende, pensa e diverte-te com esta obra genial do nosso NOBEL da Literatura de 1998

Filme da semana: «Spartacus»


Título:
Spartacus
Realizador:
Stanley Kubrick
Duração:
3h 18m
Sinopse:











Spartacus, um homem que nasceu escravo, trabalha para o Império Romano, enquanto sonha com o fim da escravidão. Apesar de não ter muito com o que sonhar, pois foi condenado à morte por morder um guarda numa mina da Líbia. Só que o seu destino é mudado por um lanista (negociador e treinador de gladiadores), que o compra para ser treinado nas artes de combate e se tornar um gladiador. Até que um dia, dois poderosos patrícios chegam de Roma com suas esposas, que pedem para serem entretidas com dois combates até à morte, e Spartacus é escolhido para enfrentar um gladiador negro, que vence a luta mas se recusa a matar o seu opositor atirando o seu tridente contra a tribuna onde estavam os romanos. Este nobre gesto custa a vida do gladiador negro e enfurece Spartacus de tal maneira que ele acaba liderando uma revolta de escravos, que atinge metade de Itália. Inicialmente as legiões romanas subestimaram os seus adversários e foram todas massacradas, por homens que não queriam nada de Roma, além da sua própria liberdade. Até que, quando o Senado Romano toma consciência da gravidade da situação, decide reagir com todo o seu poderio militar.

sexta-feira, 10 de janeiro de 2020

Workshop de televisão para 1300 alunos


Durante esta primeira semana de aulas do 2.º período, todos os alunos da escola viveram uma experiência única, enquadrada na Estratégia de Educação para a Cidadania: um workshop de televisão dinamizado por profissionais da área do jornalismo.
Respondendo a um desafio da Associação Unidos pela Televisão, a sala C6 foi transformada num estúdio de televisão, por onde, de segunda a sexta-feira, passaram praticamente todas as turmas da escola, num workshop de 90 minutos, totalizando 23 sessões e 46 turmas. O workshop, concebido e dinamizado por três elementos da Associação, começa com uma viagem pela história da televisão em Portugal, desde as primeiras  emissões regulares da RTP em março de 1957 até à atualidade. De seguida são explicados aos alunos os diferentes tipos de conteúdos televisivos e apresentados os vários profissionais que trabalham em televisão.

A seguir, inicia-se a parte prática, na qual os alunos são desafiados a produzir ao vivo um programa de televisão, desempenhando diferentes funções, desde operador de câmara, assistente de câmara, produtor, realizador, assistente de realizador, pivot, jornalista, etc.

O workshop despertou enorme entusiasmo em todos os alunos e talvez tenha contribuído para a descoberta de algumas vocações, dada a qualidade dos trabalhos realizados.
Agradecemos a energia, o empenho e o profissionalismo dos jovens membros da Associação Unidos pela Televisão, que deram ao longo da semana um contributo significativo para a educação para os média na nossa escola e para o projeto educativo do AELC.

quinta-feira, 9 de janeiro de 2020

Novidade: «Diário de Um Zé-Ninguém», de George Grossmith

SINOPSE

O Sr. Pooter é um homem de ambições modestas, satisfeito com a sua vidinha normal. No entanto, é constantemente importunado por comerciantes desagradáveis, funcionários administrativos impertinentes e amigos caprichosos. Por muito que se esforce, Pooter não consegue evitar os embaraçosos mal-entendidos da vida. Este zé-ninguém criado por George e Weedon Grossmith tornou-se uma personagem cómica imortal, que satiriza a empáfia da classe média suburbana inglesa de finais do século XIX.

quarta-feira, 8 de janeiro de 2020

Ebook gratuito: «Esteiros» de Soeiro Pereira Gomes

A biblioteca escolar disponibiliza mais um título gratuito na sua Biblioteca Digital.
Podes encontrar mais títulos aqui.

capa
Título: Esteiros
Autor: Soeiro Pereira Gomes
Edição: Agrupamento de Escolas Leal da Câmara
Revisão e diagramação: Carlos Pinheiro
Coleção: Clássicos da Literatura
1.ª edição: janeiro de 2020
Imagem da capa: Angelina Pereira

Edição segundo as regras do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990, com base na edição de 1941 (Edições Sirius).

Ebook em PDF
Ebook em ePub


 «Esteiros, minúsculos canais, como dedos de mão espalmada, abertos na margem do Tejo. Dedos das mãos avaras dos telhais que roubam nateiro às águas e vigores à malta. Mãos de lama que só o rio afaga.»

terça-feira, 7 de janeiro de 2020

Novidade: «Crónica do rei pasmado», de Gonzalo Torrente Ballester

SINOPSE

"Tal como acontecera já em Espanha, a Crónica do Rei Pasmado foi um grande êxito em Portugal. Nada mais natural. É que este «scherzo em re(i) maior alegre, mas não demasiado», como o próprio autor lhe chama, é um livro particularmente saboroso, hábil e irónico, narrado com a mestria e a sabedoria de um escritor como Ballester. A partir do pasmo extasiado do rei ao ver pela primeira vez uma mulher nua, e ao querer ver nua também a rainha, toda uma intriga se tece na corte, metendo nobres, inquisidores, uma afamada meretriz, um jesuíta português, a superiora do convento; toda uma tela de uma obra que bem justifica o qualificativo de pitoresca, num divertimento de primeira água."

segunda-feira, 6 de janeiro de 2020

Livro da semana: «O Cavaleiro da Armadura Enferrujada»



Título:
O Cavaleiro da Armadura Enferrujada
Autor:
Robert  Fisher
N.º de págs.
133
Sinopse:












O Cavaleiro da Armadura Enferrujada é um conto destinado a todos os leitores, aos quais transmite alegria e satisfação, deixando sempre uma mensagem subtil e profunda capaz de mudar vidas. Trata-se de uma história belíssima que nos cativa pela escrita poética e luminosa e pela simplicidade com que nos revela algo de muito importante. Esta obra-prima fala-nos de um homem disposto a ultrapassar todos os obstáculos para encontrar o seu verdadeiro eu. O primeiro passo do cavaleiro na sua viagem iniciática é também o nosso primeiro passo no caminho misterioso da Verdade e da Vida. Esta leitura suscita a expansão da nossa mente e não nos deixa iguais ao que éramos, quaisquer que sejam as nossas raízes espirituais, filosóficas e religiosas. Ensina-nos, com lucidez e sentido de humor, a sermos livres.

Filme da semana: «Amistad»



Título:
Amistad
Realizador:
Steven Spielberg
Duração:
152m
Sinopse:











Incursão de Spielberg num episódio dos EUA, no século XIX. Os negros que eram transportados de África para o Novo Mundo pelo navio negreiro “La Amistad” revoltam-se, apoderam-se da embarcação e, quando aportam nos EUA, em 1839, são (obviamente) presos e acusados de assassínio. Theodore Joadson, defensor da abolição da escravatura, toma a seu cargo a defesa dos acusados, numa altura em que Martin Van Buren, o presidente em exercício, tem como principal objetivo apaziguar os estados do sul. A intervenção do ex-presidente John Quincy Adams vai revelar-se decisiva num caso que apaixonou a opinião pública, apontando já para a inevitabilidade da guerra civil, que eclodiria pouco mais de 20 anos depois.