terça-feira, 29 de outubro de 2019

Livro da semana: "Auto da Feira"

Título:
Auto da Feira
Autor:
Gil Vicente
N.º de págs.
74
Sinopse:












Imagine-se a vida enquanto uma feira, um mercado livre, onde se compram e vendem vícios e virtudes, juntamente com tecidos, frutas e bugigangas de toda a variedade. Quem será atraído à tenda do Tempo para comprar as “mercadorias d’amor e rezão, justiça e verdade, a paz desejada”? E quem preferirá as “artes de enganar” que o Diabo tem para vender?...
Esta é a alegoria da vida construída por Gil Vicente, tão atual na sua intenção satírica, mesmo passados 500 anos…

Filme da semana: "1900"



Título:
1900
Realizador:
Bernardo Bertolucci
Duração:
315m
Sinopse:











No verão de 1900, em Itália, duas crianças nasceram na próspera região agrícola de Emília. Olmo Dalco e Alfredo Berlinghieri embora originários de dois mundos diferentes, desenvolvem uma grande amizade que sobreviverá às inquietantes mudanças do século XX.
Uma retrospetiva histórica de Itália desde o início do século XX até o término da Segunda Guerra Mundial, com base na vida de Olmo, filho bastardo de camponeses, e Alfredo, herdeiro de uma rica família de latifundiários. Apesar da amizade desde a infância, a origem social fala mais alto e coloca-os em polos políticos e ideologicamente antagónicos. Através da vida de Olmo e Alfredo, o filme retrata o intenso cenário político que marcou a Itália e o mundo nas primeiras décadas desse século, representado pelo fortalecimento das lutas trabalhistas ligadas ao socialismo em oposição à ascensão do fascismo.

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Livro da Semana - O Rapaz Escondido


Título:
O Rapaz Escondido
Autor:
Katherine  Marsh
N.º de págs.
312
Sinopse:












Numa noite de julho e sem lua, Ahmed está dentro de um barco de borracha sobrelotado, em pleno mar Egeu, quase a afogar-se. Tem 14 anos, é sírio, foge da guerra e das suas memórias. A sua casa desapareceu sob as bombas, já só tem o pai que lhe pede para não ter medo. O rapaz olha para as mulheres que choram com as crianças nos braços, impotentes, e interroga-se sobre o que será a Europa e o resto do mundo, essa longínqua promessa de uma nova morada. De uma nova vida. Dizem-lhe que é possível, são refugiados, serão acolhidos e ajudados. A grande massa de água mais parece uma ilha à deriva, sem rumo e ele sente-se como um órfão da Terra. Lembra-se do avô, atento e sereno cuidando das suas orquídeas e do seu conselho «onde não há caminho, Alá abrirá caminho».
Conseguirá Ahmed sobreviver? Encontrará um porto seguro, mesmo sem bens pessoais, sem família e sem passaporte? Encontrará amigos solidários e disponíveis ou será mais um excluído na sua diferença e destino? Poderá ser preso como potencial terrorista?
A autora descreve em ficção, numa prosa intensa e repleta de aventuras que se lê de um fôlego, uma história bem real e comovente vivida por migrantes em desespero e que, à custa de a presenciarmos todos os dias, tendemos a banalizar e a esquecer.  

Filme da Semana - A Oeste Nada de Novo

Título:
A OESTE NADA DE NOVO
Realizador:
Lewis Milestone
Duração:
133m
Sinopse:












Em 1914 rebenta a Primeira Guerra Mundial, e numa escola alemã o professor Kantorek exorta os seus alunos a alistar-se, pela honra de servir a nação. Estes, imbuídos de espírito romântico aventureiro fazem-no num ápice. Só que cedo vão perceber os horrores que os esperam, sob bombardeamentos, frio, privações de comida, na vida terrível das trincheiras, e ao lado dos amigos que veem morrer e ser mutilados. Entre eles está Paul, que em breve se interroga com os amigos dos porquês da guerra, onde não reconhecem bons ou maus, e ao voltar a casa numa curta licença não se revê já no entusiasmo nacionalista dos que o recebem como herói.

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Workshop de jornalismo na Biblioteca



Vai decorrer amanhã na Biblioteca um workshop de jornalismo destinado aos novos jornalistas do Jornal 100 Letras. A sessão contará com o João C., ex- aluno e um dos grandes dinamizadores do 100 Letras nos últimos anos, e da jornalista Beatriz Lopes Rodrigues, do grupo Renascença.

Dia Mundial de Combate ao Bullying - recursos para as escolas



No próximo domingo, 20 de outubro, comemora-se o Dia Mundial do Combate ao Bullying.

Segundo o estudo da Unicef sobre a violência contra crianças "Escondido à vista", com base em dados de 190 países, uma em cada três crianças, com idades entre os 13 e os 15 anos, em todo o mundo é regularmente vítima de bullying na escola.

Aqui ficam alguns recursos para ajudar a conhecer e a combater este problema nas escolas ou nas famílias:

Documento em PDF, da Amnistia Internacional, com atividades de combate ao bullying.

Que medidas tomar quando se é vítima de bullying, ou quando se é pai de uma vítima ou pai de um agressor.

Aborda diversas temáticas relacionadas com a violência sobre as crianças e jovens, como violência doméstica, violência no namoro, bullying, violência online, violência sexual, segurança na rua, segurança na internet, segurança na escola etc.

No Bully Portugal é uma Associação sem fins lucrativos fundada em 2016 para acabar com o bullying em Portugal. 

Iniciativa do Ministério da Educação de Prevenção e Combate ao Bullying e ao Ciberbullying nas escolas. Tem associada a campanha “Escola Sem Bullying. Escola Sem Violência”, que se configura como um importante instrumento de sensibilização, prevenção e intervenção, destinado a toda a comunidade educativa, com vista à erradicação deste problema.

segunda-feira, 14 de outubro de 2019

Filme da semana: «As Sufragistas»

Título:
AS SUFRAGISTAS
Realizador:
Sarah Gavron
Duração:
106m
Sinopse:












Início do século XX. Apoiadas pelos conceitos iluministas de igualdade e liberdade, as mulheres passaram a reivindicar o direito de participação na política e a exigir leis mais justas que as incluíssem nas decisões parlamentares. Apesar do importante papel social, principalmente no que se refere à educação, até então elas nunca eram vistas como capazes de escolher os governantes. No Reino Unido, o movimento começou com a fundação da União Nacional pelo Sufrágio Feminino. De modo a expor as leis sexistas e mudar a forma como eram olhadas, um grupo de mulheres da classe operária juntam as suas vozes à de Emmeline Pankhurst, uma mulher à frente do seu tempo que há muito lutava pelos direitos das mulheres. Assim, desistindo do protesto pacífico de simples manifestações de rua ou greves de fome que nunca as levou a lado algum, estas mulheres desafiam o Estado e partem para formas de luta cada vez mais radicais, enfrentando tudo em prol da igualdade de direitos e oportunidades…

Livro da semana: «Fernão Capelo Gaivota»


Título:
Fernão Capelo Gaivota
Autor:
Richard Bach
N.º de págs.
148
Sinopse:












Fernão Capelo Gaivota é uma parábola universal sobre liberdade.
As gaivotas têm um padrão de altura e velocidade no qual podem voar, mas Fernão Capelo não aceitava isso e queria mais. Não entendia  porque tinha que ficar limitado a esse padrão..
Quando o chefe do seu bando descobriu que ele treinava para passar esse limite, e que ele conseguia fazer mais que isso, eles o isolaram do bando, e Fernão ficou sozinho.
Mas no decorrer dos dias, ele encontrou outras gaivotas que também pensavam como ele, e também foram isoladas dos  seus bandos.
Esse grupo começou a ficar tão conhecido, que mais gaivotas começaram a chegar para poder aprender como voar mais alto e mais rápido.
Então, Fernão, criou um grupo de alunos com isso, e foi ensinando de que elas podem  voar mais e melhor do que o padrão estabelecido.
E para quê ser igual ao padrão se podes ser melhor que ele, não é verdade?
Este é um livro que se lê num dia apenas, com várias frases de motivação para guardar e tê-las sempre presentes.

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Alunos da escola em 3.º lugar no concurso internacional de História para jovens



João C. e Rodrigo M. (dois alunos do ex-12.º H1) ganharam o 3.º lugar no concurso internacional de História para jovens EUSTORY de 2019, com o trabalho “Viragem Histórica” subordinado ao tema “Transição Política”, sobre as mudanças provocadas pelo 25 de Abril de 74 em Portugal e, em particular, no concelho de Sintra. Para além de um prémio monetário, os jovens receberão ainda a viagem e estadia para participar num dos três History Camps que irão ter lugar no próximo ano, numa cidade europeia, durante uma semana.

Olga Tokarczuk e Peter Handke vencem o Nobel da Literatura




Olga Tokarczuk (n. 1962) e Peter Handke (n. 1942)  foram hoje anunciados como os dois novos Nobel da Literatura. Olga Tokarczuk, escritora e ativista polaca, receberá o prémio relativo ao ano de 2018, e o austríaco Peter Handke é o vencedor de 2019.
Olga Tokarczuk tem editados em Portugal Viagens Conduz o Teu Arado sobre os Ossos dos Mortos, ambos publicados este ano pela Cavalo de Ferro, e que em breve poderá encontrar na biblioteca.
Peter Handke é um autor já bastante conhecido do público português, com diversas obras publicadas desde os anos 80 do século passado, tanto romance como teatro. As suas duas obras mais conhecidas são A Angústia do Guarda-Redes Antes do PenaltyA Mulher Canhota.

Fotos: Wikimedia

terça-feira, 8 de outubro de 2019

Conferências na Biblioteca Municipal de Sintra


Com o objetivo de potenciar as Bibliotecas Municipais como um espaço privilegiado de encontro de profissionais de informação e mediadores da leitura, bem assim como de todo o público em geral interessado pelas questões à volta do Livro e da Leitura, num ambiente intimista e de conversa informal, irá realizar-se a 2.ª sessão do ciclo de “conversas” à volta da temática das Bibliotecas, do Livro e da Leitura, denominado de Conferências na Biblioteca, na Biblioteca Municipal de Sintra. 
Esta sessão das Conferências na Biblioteca, realizada em parceria com a DGLAB, a RBE de Sintra, as Bibliotecas Escolares e a Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (Centro Estudos Clássicos, Mestrado em Ciências da Documentação e Informação), está associada a um dia comemorativo/simbólico na área do Livro e da Leitura e a uma temática, sendo:
17 de outubro – 5.ª feira - 19h00

segunda-feira, 7 de outubro de 2019

Livro da semana: "Jangada de Pedra"


Título:
Jangada de Pedra
Autor:
José Saramago
N.º de págs.
319
Sinopse:












Em A Jangada de Pedra, uma série de acontecimentos sobrenaturais culmina na separação da Península Ibérica que começa a vogar no Atlântico, inicialmente em direção aos Açores. Este conto mágico de cinco viajantes, um cão, que é o seu Anjo da Guarda, e dois cavalos, integra velhas tradições do imaginário galego-português e peninsular. A situação criada por Saramago dá-lhe um sem-número de oportunidades para, no seu estilo muito pessoal, tecer comentários sobre as grandezas e pequenezas da vida, ironizar sobre as autoridades e os políticos e, talvez muito especialmente, com os atores dos jogos de poder na alta política. O engenho de Saramago está ao serviço da sabedoria.

Filme da semana "Tempos Modernos"



Título:
TEMPOS MODERNOS
Realizador:
Charlie Chaplin
Duração:
87 m, preto e branco
Sinopse:












Trata-se do ultimo filme mudo de Chaplin, que focaliza a vida urbana nos Estados Unidos nos anos 30, após a crise de 1929 quando a depressão atingiu toda a sociedade americana levando grande parte da população ao desemprego e à fome A figura central do filme é o Vagabundo , o personagem clássico de Chaplin, que, ao conseguir emprego numa grande indústria transforma-se em líder grevista conhecendo uma jovem por quem se apaixona. O filme incide sobre a vida na sociedade industrial caracterizada pela produção com base no sistema de linha de montagem e especialização no trabalho. É uma crítica à “modernização” e ao capitalismo representado pelo modelo de industrialização onde o operário é engolido pelo poder do capital e perseguido pelas suas ideias subversivas.
Nesse trecho, o operário Vagabundo envolve-se em inúmeras confusões relacionadas com o seu trabalho. O realizador satiriza o controlo do corpo e a exploração da mão de obra operária.

quarta-feira, 2 de outubro de 2019

Sessões de literacia de informação para alunos do 10.º ano


Iniciam-se na segunda quinzena de outubro as sessões «Como Realizar Trabalhos Escolares», atividade de literacia da informação destinada a alunos do 10.º ano e incluída na Estratégia de Educação para a Cidadania e no Projeto Educativo do AELC.
As sessões terão 45 ou 90 minutos. Inscreve a tua turma!

terça-feira, 1 de outubro de 2019

Mês Internacional da Biblioteca Escolar


Inicia-se hoje o mês de outubro, mês em que se festejam os livros, a leitura e a biblioteca. O tema para o International School Library Month (ISLM) em 2019 é "Let's Imagine", que traduzimos para "Vamos imaginar". 
A biblioteca dá asas à tua imaginação e, por isso, vamos oferecer um livro aos primeiros 10 alunos que requisitarem um livro na biblioteca e que respondam a corretamente esta pergunta: Em que dia do mês de outubro se comemora este ano o Dia Internacional da Biblioteca Escolar?